O problema não sou eu, é você

O problema não sou eu, é você

9

Término de namoro e o lindo dispara um “o problema não é você, sou eu”. Ah, a famosa justificativa para terminar a relação. Na verdade, essa frase costuma encerrar o longo discurso do “não, você não fez nada errado. Você é linda, inteligente, extrovertida, atenciosa, carinhosa, prestativa, querida, compreensiva, mas eu estou confuso. O problema é comigo”. Este é o momento ideal para olhar nos olhos dele, sorrir e dizer docemente: concordo!

 

Porque, convenhamos, só sendo muito problemático mesmo para dispensar uma mulher que seja tudo isso e mais um pouco. Não querendo ser pessimista (apenas realista), mas duvido que encontrará alguém assim tão cedo (e tomara que não encontre mesmo, beijos). E digo isso baseada em decepções reais.

 

Afinal de contas, qual é o problema dele? Está acostumado com mulheres do tipo fácil? Não sabe lidar com tantas qualidades? Não aprendeu a valorizar os sentimentos alheios? É incapaz de manter um relacionamento? Não consegue se igualar nas qualidades? Ou, uma alternativa mais simples, é imbecil mesmo? Porque, olha… Eu não admito ouvir isso. Ou dê uma justificativa válida ou me poupe de tal clichê. Assuma logo que é babaca e ponto final, não enrola. Aí eu até concordaria.

 

Você é super poderosa e tudo mais, o problema realmente é comigo...

Você é super poderosa e tudo mais, o problema realmente é comigo…

 

Assim como há pessoas que não se importam com os sentimentos, que preferem viver de “aventuras”, há quem valorize muito o tal do amor, que queira realmente um relacionamento capaz de acrescentar algo à sua vida, que não banalize as relações. Namoros começam e terminam o tempo todo, é normal. O que está errado é dar essa desculpa. Nada mais justo do que dar o direito à pessoa de entender o fim, de saber onde possivelmente errou, o que faltou ou o que sobrou, o que não deu certo. Porque fica difícil acertar quando não se conhece os erros.

 

Desculpas esfarrapadas podem quebrar expectativas e deixar corações partidos. Porque os sentimentos são mesmo muito frágeis.

Daniela Lusa
Formada em Desilusão com ênfase em Mágoas. É especialista em Decepções, fez curso de Artes Cínicas e já participou de várias peças, nas quais nunca gostou de fazer papel de idiota. Parou de alimentar as esperanças porque quem estava engordando era ela. Gosta de ser levada a sério, desde que a tragam de volta depois. No Twitter: @Danni_lusa.

Leia também...

 
Dê mais vida a Feedback Mag., para sua imagem aparecer ao lado de seu nome nos comentários, cadastre-se no Gravatar usando o mesmo e-mail com o qual você comenta aqui na revista. Leva 2 minutos.
 
  • http://www.feedbackmag.com.br Fernando Henriques

    Daniela, os homens usam essa exaltação a mulher somente como desculpa, por achar esse um caminho mais fácil. Por que se eles realmente achassem isso tudo da parceira, iam ao menos tentar prosseguir. Por outro lado, tem muita gente que é babaca mesmo, que prefere uma vida de “aventuras”, como você falou.

    Terminar é sempre difícil, por isso o mínimo que se espera é sinceridade, porém para isso é preciso um nível de maturidade que, dependendo da idade, os homens não tem. Não é nosso isso, desenvolvemos outras coisas antes.

    • Dinha..

      rsrsrsrsrsr

      • http://www.feedbackmag.com.br Fernando Henriques

        Gostou? Rs. Temos que ser sinceros, e a realidade da maioria é essa mesmo. Abs!

  • Marciel Gomes

    Essa é aquela famosa desculpa esfarrapada e é claro que homem que fala isso com certeza não gosta mais ou nunca gostou da mulher. Dificilmente um homem que realmente gosta termina para ir viver aventuras. Para ela, infelizmente ele já tem outra e está com a mente completamente desfocada do relacionamento.  

  • Leonardo Tigro

    Leitura difícil hein, por saber que vou ter que inventar novas desculpas graças ao seu texto. Não culpe os homens pela falta de criatividade na hora de terminar relacionamentos, imagino que ao nos depararmos com essa situação temos três opções;
    1. Colocar a culpa em vocês (Mulheres, sexo nada frágil).2. Colocar a culpa em outra pessoa (Na vizinha, amiga, sogra, etc).3. Colocar a culpa em nós (Homens, que vocês mulheres tacham como vilões dizendo que todos são iguais e tudo o mais).Não se põe a culpa na própria mulher a não ser que seja caso de traição e ELA esteja errada. Não se culpa os amigos, vizinhos, a sogra, enfim… outras pessoas, porque ainda assim parece que só estamos nos apoiando em outra pessoa e isso não fica bem.Só nos resta falar a verdade (sem muitos detalhes), até aqui, quando somos sinceros vocês mulheres arrumam um jeito de nos transformar em “ass hole”.
    Legal esse texto.

  • http://profile.yahoo.com/HXY3US5TZMYBROPKDFTLIZV424 JannPhoenix

    Já ouvi delas essa ladainha. Infelizmente é um clichê retardado para se ouvir de alguem que um dia despertou nosso interesse.

  • Jéssica Mendes

    ótimo! Palmas para Daniela!!

    • Dinha..

      Isso mesmo…Palmas e Palmas eles sào realmete idiotas!!

  • Nalata

    Vixi!Descobriram! Então, na eventualidade de uma próxima vez, vou falar: Quer saber o motivo? Tem certeza? Está preparada para escutar? Ok, é que eu sou um babaca mesmo, mas não estou mais a fim de você e é simplesmente isso. Siga sua vida que vou seguir a minha. Boa sorte! Adeus!