Luta entre amigos deixa casa dividida – TUF Brasil 3:<br /> Episódio 8

Luta entre amigos deixa casa dividida – TUF Brasil 3:
Episódio 8

0

Sete semanas de disputas já ficaram psra trás. Muito já aconteceu dentro da casa do TUF Brasil 3, muitas alegrias, tristezas, emoções, mas o melhor… Ainda estamos na metade. Seja bem-vindo a mais um resumão da casa mais hardcore do Brasil.

 

O episódio dessa semana trouxe mais um semifinalista dos pesados, além de muitas outras histórias. Não respire, calce suas luvas que vai começar mais um “Resumão Feedback” sobre o TUF Brasil 3.

 

O Episódio

 

O episódio se inicia com o mistério da lesão de Lyoto, que inclusive venceu sua luta, mas se contundiu no combate (pé esquerda). Iria ficar de fora da disputa ou não? Para a felicidade de todos do time verde, Lyoto segue na disputa, mas terá que perder uns diazinhos de treino para descansar.

 

Partimos direto pra escolha dos técnicos para o casamento da luta da semana, que dessa vez aconteceria nos pesos-pesados (até 120kgs). Wanderlei ainda tinha a chance de casar a luta, e escolheu Antônio “Montanha” (amarelo) contra Vitor Miranda (verde), porém essa escolha gerou polêmica. Aconteceu que Wanderlei casou dois amigos de treino para lutar, mas são dois profissionais e teriam que lutar entre si para conseguir uma vitória e continuar com seu sonho. Mas o problema é… Vocês lembram do primeiro TUF Brasil, quando Wanderlei se irritou e foi tirar satisfações com o outro técnico (Vitor Belfort) por conta exatamente do casamento da luta entre Gasparzinho e Rony “Jason”, dois amigos? Inclusive quebrou o pau no final da luta, acusando o rival com xingamentos e um monte de bobagens.

 

Particularmente acho que o esporte deve prevalecer, e se você é amigo ou não da pessoa não deveria interferir no fato de entrar no ringue/octógono e dar o seu melhor e fazer o trabalho. Sim, isso é uma profissão, e sim, isso é um esporte.

 

O que ficou disso tudo foi o fato de Wanderlei ir contra tudo que plantou no TUF Brasil 1.

 

Yushin Okami visita o Time Verde

 

O excelente peso-médio do WSOF Yushin Okami visitou o centro de treinamento do TUF Brasil 3, mais precisamente para auxiliar nos treinamentos da equipe verde de Chael Sonnen. Yushin fez bons e fortes sparrings com os pupilos do americano; boas trocações e dicas de Judô (especialidade do japonês). Mas ficou a dúvida: O que um lutador de outra organização estaria fazendo em um programa do UFC? Seria uma brecha para uma possível volta? Espero que sim, o japonês luta muito e ainda tem vaga no top 10 dos médios, a meu ver.

 

Yushin Okami vista e treina com o time verde.

Yushin Okami vista e treina com o time verde.

 

Prova da Semana

 

A prova da semana consistia em criar uma “ponte” com três pedações de madeira para as ring girls atravessarem. Prova que botava em cheque a coordenação da equipe, agilidade e força. A vitória foi mais uma vez do time amarelo de Wanderlei Silva. Mas o melhor era o prêmio: uma bela tarde em um Spa relaxante, regado a muitos mimos e massagens.

 

Prova da semana: A Ponte.

Prova da semana: A Ponte.

 

A Luta

 

Atletas duros, fortes, amigos, mas acima de tudo profissionais e equilibrados para se tocarem que essa é a chance da vida deles, e eles tinham que fazer de tudo pra aproveitar. Ainda mais Vitor que ainda sofre com a perda do próprio filho em um triste acidente doméstico. Ele está tentando recomeçar não só a carreira, como a própria vida.

 

Ambos subiram a balança e bateram facilmente o peso, antes mesmo dos 110kg. O que fica claro que depois do TUF quase todos migrarão pro UFC (caso sejam contratados) para a categoria meio-pesado (até 93kg).

 

A luta na verdade foi relativamente rápida, os lutadores mesmo se respeitando procuraram logo partir pras ações. Chutes baixos, jogo de trocação. Montanha acabou indo ao solo, mas logo o árbitro pediu que a luta se iniciasse de pé. A essa altura a trocação de Vitor prevalecia, e prestes a soar o gongo veio o nocaute técnico de Vitor e mais um ponto para o time verde de Chael Sonnen.

 

Após o combate, ambos choraram pela eliminação de Montanha. Os amigos se abraçaram e a vida continua.

 

Os amigos se abraçam. Quem vence é o esporte.

Os amigos se abraçam. Quem vence é o esporte.

 

Musa da Semana

 

Camila Bortolazzo – 22 anos – São Paulo – SP.

 

Camila Bortolazzo.

Camila Bortolazzo.

 

A disputa aperta, as vagas pra próxima fase estão praticamente preenchidas, os ânimos se exaltam… E pra próxima semana teremos o tradicional desafio dos técnicos; pelo que pareceu do teaser do episódio, teremos uma disputa futebolística entre Wanderlei e Chael Sonnen.

 

E você, o que achou do episódio? Comente conosco aí embaixo, participe e exponha tudo que acha da casa mais hardcore do Brasil. Semana que vem tem mais. Até a próxima!

 

Osss!

Victor Fortunato
Carioca, Victor Fortunato além de repórter e editor da Feedback, mantém sua paixão pelo universo editorial e é um dos integrantes do canal Cariocando no YouTube.

Leia também...

 
Dê mais vida a Feedback Mag., para sua imagem aparecer ao lado de seu nome nos comentários, cadastre-se no Gravatar usando o mesmo e-mail com o qual você comenta aqui na revista. Leva 2 minutos.