A arte de coçar o saco

A arte de coçar o saco

6

Mulheres, por favor, entendam: coçar o saco é extremamente necessário para a sobrevivência de um homem.


É hereditário, é coisa passada de pai para filho, esse é um momento sublime na vida de um homem. Coçar o saco não é grosseria, é sinal de masculinidade, virilidade e de total entrega do homem as suas necessidades básicas.


Na verdade eu não espero que vocês entendam. Vocês nunca, eu disse nunca, terão a deliciosa sensação de alívio e desestresse que uma simples coçada pode proporcionar.


Vejam bem, coçar o saco é terapêutico. Quando um homem coça o saco, ele se desliga do mundo e se conecta com seu eu interior. Não importam os problemas, as dívidas, as dificuldades da vida, é só começar a coçar o saco que tudo isso desaparece.


O Maradona sabe do que estou falando.

O Maradona sabe do que estou falando.


Então mulheres, entendam de uma vez por todas, se o seu homem, namorado, amigo, filho, irmão, sogro ou qualquer raça masculina na face da terra estiver dando aquela coçadinha, por favor, não o critique. Vocês com certeza estarão contribuindo para um mundo com menos estresse.


O Ministério do Machismo adverte: Deixar de coçar o saco pode causar câncer ou até mesmo ocasionar morte súbita.

Joe Casanova
Um simples amante latino americano. No Twitter: @JoeCasannova.

Leia também...

 
Dê mais vida a Feedback Mag., para sua imagem aparecer ao lado de seu nome nos comentários, cadastre-se no Gravatar usando o mesmo e-mail com o qual você comenta aqui na revista. Leva 2 minutos.
 
  • FredGazim

    O universo masculino ganhando vez na Feedback, só não sei o quanto as meninas vão gostar disso.

    • http://www.facebook.com/people/Elaine-Piropo/100001263270310 Elaine Piropo

      Não sei pq não gostariam… blog de mulherzinha tem em qualquer canto por aí e os homens tb precisam do seu espaço, oras ;)

      • http://www.feedbackmag.com.br Fernando Henriques

        Valeu @facebook-100001263270310:disqus , falou bem, apoiada!! O Casanova vai pintar mais vezes por aqui.

  • Anderson

    Engraçado que eu nunca senti essa enorme vontade…as vezes sim, mas é raro. Eu acho que é mais tique do que necessidade. Acho que é algo que foi passado de geração em geração… os filhos veem os pais fazendo e acabam imitando.

    • http://www.feedbackmag.com.br Fernando Henriques

      Educação mesmo né, rs?

  • Rafael Clemente

    Na verdade eu não coço o saco, eu gosto é de ficar mexendo nele durante horas, passando os dedos entre as bolas. Faço isso desde criança, é muito bom. Como o texto diz: é terapêutico. Hoje a minha namorada muitas vezes faz isso e adora. O problema dela é que apesar de ela adorar coçar o meu saco, ela não tem a sensação total de como é bom. Isso, apenas nós homens podemos sentir.